] Jornal Correio Popular


Domingo, 24 / 01 / 2021
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


Mega Operação
PC desarticula Organização Criminosa em Urupá

Data da notícia: 2018-05-25 19:49:19
Foto: PC Urupá
Com o bando de suspeitos, a Polícia Civil apreendeu arma, drogas e dinheiro

Ao todo foram expedidos 17 Mandados de Prisão e 12 Mandados de Busca e Apreensão em desfavor da organização criminosa. Entre os crimes praticados estavam os crimes de Tráfico e Associação para o Tráfico, Roubo de veículos, Residências e Comércios, furtos, Receptação e Porte Ilegal de Arma de Fogo. Foram apreendidos na operação drogas, arma, munições e dinheiro.
A operação foi presidida pelo Dr Ronaldo Carvalho Campos, que contou com auxílio do Diretor de Polícia do interior Dr Arismar Araújo e pelo Delegado Regional de São Miguel do Guaporé, Dr Fred Matos.
Foram empregados 52 policiais civis das cidades de Alvorada do Oeste, Ji-Parana, Ouro Preto, Presidente Médici, Cacoal, Nova Brasilândia, Costa Marques, São Miguel do Guaporé, Rolim de Moura, São Francisco do Guaporé e Urupá.
A operação contou ainda com o Núcleo de Operações Aéreas -NOA da Sesdec, que empregou um helicóptero em apoio no cumprimento das cautelares.
As investigações se iniciaram a cerca de dois meses sendo demonstrado que os investigados possuíam vínculo criminoso maior e mais articulado do que se imaginava de início, aos quais eram responsáveis em compor uma Organização Criminosa que atuavam nas cidades de Urupá, Alvorada do Oeste, Teixeiropolis, Mirante da Serra e São Francisco.
Os líderes da referida Orcrim, instigavam outros componentes para que esses viessem a cometer crimes patrimoniais (Furto e Roubo) a fim de angariar bens aos quais eram, posteriormente, trocados por entorpecente em grande quantidade e, em seguida, comercializado pelos envolvidos onde era feita a divisão do lucro obtido.
No lapso temporal ao qual perdurou à investigação foram recuperados cinco veículos aos quais eram produtos de furto ou roubo, sendo quatro motocicletas e um carro de passeio. Foram, também, apreendidos vários invólucros de entorpecente com usuários de droga e instaurados sete Termos Circunstanciados por posse de entorpecente. Na mesma toada, a Polícia Civil informa que foram solucionados mais de 20 ocorrências de furto aos quais estão diretamente ligados aos envolvidos.
Foram presos na operação: G.C.S.; E.P.N. vulgo "Índia", Ma.A.M. vulgo "Chapolim", M.B.C. vulgo "Gaucha", E.C.C. vulgo "Lizandro", O.C. vulgo "Orlando carroceiro", R.R.F. vulgo "velt", I.F.T.; F.R. vulgo "Caxinha", E.S. vulgo "Cabeção", E.G. vulgo "Eltinho", A.V. e S.S.T. vulgo "Silvingo". Ainda se encontram foragidos outros cinco suspeitos que poderão ser presos a qualquer momento.
Imagens divulgadas
A Polícia Civil informa que as imagens dos envolvidos se fazem necessárias, haja Vista, o cometimento de vários crimes patrimoniais ocorridos nessa região e havendo, assim, a possibilidade de reconhecimento de alguma vítima em face aos citados. Nessa mesma esteira, informa ainda que todos são tratados, até o presente momento, como suspeitos.
O nome da operação Astúcia, Leva em Consideração o significado que é o mesmo que esperteza ou a habilidade da pessoa que não se deixa enganar com facilidade.
Assim como pode ser interpretado como uma característica positiva, a astúcia também pode ser usada como um termo pejorativo, no sentido de alguém que tenta se aproveitar de outro indivíduo para atingir um objetivo próprio. Neste aspecto, pode-se dizer que uma pessoa astuta é ardilosa, maquiavélica, traiçoeira e velhaca.

Chapolim Colorado
Esta palavra era utilizada pelo popular personagem televisivo Chapolin Colorado, interpretado pelo ator e escritor mexicano Roberto Gómez Bolaños, na frase icônica: “não contavam com minha astúcia”. Neste caso, a intenção do personagem era mostrar como as pessoas não suspeitavam da sua incrível esperteza.
Por extensão, o significado de astúcia ainda pode estar relacionado com o comportamento da pessoa que é travessa, traquinas ou peralta.


Fonte: PC Urupá


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.