FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
 Conheça a revista PONTO M  
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Boa madrugada! Sexta-feira, 19 / 01 / 2018
João Antonio Pagliosa
VIVER COMO ÁGUIAS
Nós somente acreditamos naquilo pelo qual estamos dispostos a sofrer e a morrer. E são, nas nossas decisões, que forjamos nosso futuro. Podemos voar como águias audazes, ou podemos ser simplórios pardais. Podemos ser brilhantes e resistentes como o diamante, ou podemos ser pedras basálticas comuns. Tudo dependerá de cada um de nós. Isso será definido pelo nosso poder de decisão, pelo nosso livre arbítrio, pela “garra” de cada um em não se conformar com as mesmices do cotidiano e estar sempre disposto a voos mais altos, a superar obstáculos, a não temer, antes respeitar a concorrência, e ir além das expectativas. Tudo tem um preço, e você precisa avaliar se o seu sonho, se o seu objetivo, efetivamente valerá o seu esforço e esta decisão, compete apenas a você. Nem um pouco simples, mas é assim. A águia é uma ave extraordinária (não à toa, é símbolo de países como USA e Alemanha) e com ela podemos aprender acerca de tribulações e de superação. Acerca de dores e curas. Acerca de sofrimentos e recompensas. Este algo que atormenta a cabeça do homem, o subjuga, e em muitos casos o escraviza. Para você que vive atormentado por crises, convido-o a ler Deuteronômio 32:11 e 12. Você entenderá que a águia solta os seus filhotes nas alturas e percebendo que a cria não voará, arremessa-se sobre ela e a toma sob suas asas. A águia mãe fará isso tantas vezes quanto necessário ate cada filhote aprender a voar. Será que você consegue avaliar o pânico do filhote enquanto cai? Consegue avaliar o amor da águia mãe ensinando a superação das dificuldades, ensinando a preparação para a vida? Por isso nunca entre em crises quando sair de sua zona de conforto. As tribulações nos amadurecem! Nem a águia e nem DEUS tem prazer no sofrimento de seus filhos. Simplesmente é necessário para aprendermos algo que precisamos aprender. Sei que a vida é um maravilhoso presente para cada um de nós, e aprendi que aquilo em que nos transformamos é um presente nosso para a vida. É claro que dá um trabalho danado ser um diamante ao invés de uma pedra comum. Isso leva tempo, sofrem-se terríveis pressões, é necessário encarar temperaturas altíssimas e não se pode esmorecer, nunca. E, há muitos que querem vê-lo no fundo do poço... Está ainda disposto a pagar o preço? Nunca faça nada por ambição egoísta. Em Filipenses 2:4, lemos: “Nada façais por partidarismo ou vanglória, mas por humildade, considerando cada um os outros superiores a si mesmo.” As Empresas existem para dar satisfação às pessoas. Evidentemente seus proprietários querem lucro nas operações, entretanto o dinheiro é consequência do trabalho bem executado. O dinheiro não é um fim em si mesmo e ninguém deve desconhecer isso. Dinheiro precisa ser respeitado, nunca amado! Em Provérbios 14:30, está escrito: “ O ânimo sereno é a vida do corpo, mas a inveja é a podridão dos ossos.” Ora, tenha sempre bom ânimo, e jamais inveje quem quer que seja. Finalizando, devo expressar meu sentimento que sem DEUS, nenhum projeto se sustenta. Se você colocá-lo em primeiro lugar, tudo dará certo e verá a prosperidade e as graças lhe alcançarem... Mas você precisa fazer a sua parte... Faça-a sempre com muito amor em seu coração. João Antonio Pagliosa - Eng. Agrônomo - www.palestrantejoaopagliosa.blogspot.com.br...


Compartilhe com seus amigos:





www.correiopopular.com.br
Copyright - EMPRESA JORNALÃ￾STICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.