FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
 Conheça a revista PONTO M  
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Boa tarde! Segunda-feira, 22 / 01 / 2018
PAPEL PASSADO
PTTS tem mais uma etapa concluída em seis municípios

Data da notícia: 2016-09-20 09:44:44
Foto:
(Da Redação) A equipe técnica da diretoria de Patrimônio do Estado de Rondônia (Dipat/Suder) concluiu, na última sexta-feira (16), mais uma etapa do Projeto de Trabalho Técnico Social (PTTS) dos seis municípios contemplados pelo programa social de regularização fundiária urbana Papel Passado, uma iniciativa dos governos federal e estadual em parceria com os municípios.

A primeira atividade do programa social Papel Passado nos municípios contemplados foi uma reunião com o diretor da Dipat/Suder, Antonio Fortunato, e equipe técnica, prefeitura e cartório.

Nesta segunda etapa, que teve início em julho, a equipe da Dipat/Suder, composta pela assistente social Elenilda Torres; e a arquiteta urbanista Hannyellen Alecrim, reuniu-se com a equipe técnica dos municípios para criação do cronograma de atendimento aos pretensos beneficiários do Papel Passado.

Foi realizada a capacitação com os servidores municipais para implantação de medidas técnicas e estratégicas administrativas necessárias à inclusão no Cadastro Único (CadUnico) das famílias de baixa renda que serão beneficiadas pelo programa social.

Maria de Fátima Evangelista, 62 anos, moradora do bairro Bom Futuro, no município de Machadinho do Oeste, não vê a hora de chegar o dia para receber o título urbano definitivo em seu nome e registrado em cartório. ?A esta altura do campeonato, será um sonho realizado ser dona de fato e de direito da minha casa?, disse.

Em Rondônia, a meta é regularizar 7.997 lotes nos municípios de Castanheiras, Corumbiara, Guajará-Mirim, Machadinho do Oeste, Nova Mamoré e São Miguel do Guaporé.

Dos seis municípios contemplados, em quatro deles, os técnicos da Dopat/Suder realizaram mobilização em bairros, escolas, posto de saúde e veículos de comunicação para reuniões com os moradores, estimulando a participação da população em todas as etapas do projeto.

Nos municípios de São Miguel do Guaporé e Castanheiras não foi possível realizar a reunião com os moradores por motivos técnicos.

?Assim que possível a equipe estará retornando a esses dois municípios para realizar a reunião com a comunidade, pois o objetivo é divulgar ao público alvo o início do processo de regularização fundiária nos bairros e apresentar os requisitos necessários à adesão ao programa?, argumentou Elenilda Torres.

Com informações de Marcelo Gladson ? Assessoria.


Fonte:


Compartilhe com seus amigos:





www.correiopopular.com.br
Copyright - EMPRESA JORNALÃ￾STICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.