] Jornal Correio Popular
Ji-Paraná(RO), 07/12/2021 - 15:01
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


AGEVISA
Programa Saúde na Escola é tema de audiência pública

Data da notícia: 2021-10-28 18:51:50
Foto: Aurimar Lima
Agevisa apresentou a situação do Programa Saúde na Escola (PSE) no Estado

O fortalecimento da estratégia que permite o acesso à saúde pública por parte da comunidade escolar, como forma de garantir uma política intersetorial envolvendo a Saúde e a Educação, é o objetivo do Governo do Estado, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), que foi apresentado à Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa (Alero), nesta terça-feira (26), ao plenário da casa em Porto Velho, a convite do deputado estadual Dr. Neidson (PMN).

O diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório, esteve presente na audiência da comissão acompanhado das técnicas da Secretaria de Educação, Laís Reis e Madalena Roca Vargas, e a coordenadora do programa Saúde na Escola, professora Maria Inês, quando apresentaram as ações e indicadores referentes ao Programa Saúde na Escola (PSE). Participaram ainda os deputados estaduais Adelino Follador, Hallan Queiroz e Johnny Paixão, que foram unânimes em ressaltar a importância do programa para a vigilância em saúde da comunidade escolar.

Atualmente, Rondônia tem registrado a adesão ao programa nos 52 municípios, envolvendo um total de 1.295 escolas, onde deste número, 828 estão pactuadas, ainda com o atendimento à 273.457 alunos, com a participação de 650 equipes na área da saúde.

O programa vem desenvolvendo ações de prevenção à covid-19; ao uso de álcool, tabaco e outras drogas; combate ao mosquito Aedes aegypti; verificação da segurança alimentar e nutricional, alimentação saudável e prevenção da obesidade infantil; verificação da situação vacinal; prevenção das violências e dos acidentes; garantia do direito sexual e reprodutivo e prevenção de IST/AIDS; assim como a Cultura de Paz, Cidadania e direitos humanos.

Além de iniciativas preventivas, há a promoção da saúde ocular e auditiva e a identificação de estudantes com possíveis sinais de alteração; identificação de estudantes com sinais de agravos negligenciados: hanseníase, verminoses, tracoma e tuberculose; promoção e avaliação da saúde bucal e aplicação tópica de flúor; e de práticas corporais, da atividade física e de lazer nas escolas;

“Estamos pensando a saúde do cidadão, por isso planejamos criar um setor que trabalhe educação e saúde dentro da Agevisa, de forma que possamos trabalhar essa política pública entrelaçada com a Saúde e a Educação. É uma engrenagem da qual também faz parte as entidades federadas e entidades afins, com o objetivo de tornar o programa efetivo no atendimento a comunidade”.

A reunião resultou na realização de uma Audiência Pública com todas as partes envolvidas, para discutir a otimização do programa em todo o nosso Estado. O diretor-geral da Agevisa, Coronel Gilvander Gregório, durante a reunião destacou o empenho da gestão em fortalecer o programa e desenvolver uma política de vigilância entrelaçada às pastas de Educação e da Saúde.


Fonte: Secom


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.