CP - Casos diários de covid-19 aumentam mais de 6 vezes em uma semana no Brasil
Correio Popular de Rondônia
* *
COVID-19
Casos diários de covid-19 aumentam mais de 6 vezes em uma semana no Brasil

Data da notícia: 2022-01-09 08:49:01
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Infectados com a variante Ômicron são mais de 350
Na última semana, o número de casos diários de covid-19 aumentou mais de seis vezes no Brasil. Na sexta-feira (7), foram confirmados mais 63.292 novos diagnósticos positivos da doença, no sábado (8), mais 49.303 novos diagnósticos positivos de covid-19, em 24 horas, segundo boletim divulgado pelo Ministério da Saúde.. Há sete dias, em 31 de dezembro, o número registrado era de 10.282 casos.

O número de pessoas infectadas desde o início da pandemia chegou a 22.499.525. Há 227.269 pessoas em acompanhamento por equipes de saúde e que tiveram o quadro de covid-19 confirmado. Ontem, o número de pessoas infectadas com casos ativos estava em 140.453. Há uma semana, eram 84.063.

O total de infectados com a variante Ômicron chegou a 359. Na quinta-feira, foi confirmada em Aparecida de Goiânia (GO) a primeira morte por esta variante no Brasil.

Dos casos registrados hoje, foram identificados 121 em São Paulo, 58 no Rio de Janeiro, 40 no Ceará, 38 em Goiás e Santa Catarina. Ainda há 708 potenciais casos em investigação, a maioria no Rio de Janeiro (312), Rio Grande do Sul (234) e em Minas Gerais (114).

Já o número de mortes teve crescimento menor. No sábado, foram notificadas 115 mortes. Com esse número, o total de pessoas que perderam a vida para a pandemia alcançou 619.937. Na sexta-feira, foram notificadas 181 óbitos. Em 31 de dezembro, foram 72 mortes, diferença de menos de três vezes, mas que ainda assim indica o crescimento da curva no país.

Em geral, os números são mais baixos aos domingos, segundas-feiras e dias seguintes aos feriados por causa da redução das equipes que fornecem os dados. Às terças-feiras e dois dias depois dos feriados, em geral, há mais registros diários pelo acúmulo de dados atualizado.

Os dados estão no balanço divulgado na noite de sábado pelo Ministério da Saúde. A atualização reúne informações sobre mortes e casos confirmados da doença enviadas pelas secretarias estaduais de Saúde.

Em geral, os números são mais baixos aos domingos, segundas-feiras e dias seguintes aos feriados por causa da redução das equipes que fornecem os dados. Às terças-feiras e dois dias depois dos feriados, em geral há mais registros diários pelo acúmulo de dados atualizado.

Vacinação

Até a sexta-feira, foram aplicadas 331,7 milhões de doses de vacina, sendo 161,5 milhões com a primeira dose e 144 milhões, com a segunda ou dose única. Mais 15,5 milhões já receberam a dose de reforço.

Segundo o balanço do Ministério da Saúde, no topo da lista de estados com mais mortes por covid-19 registradas estão São Paulo (155.370), Rio de Janeiro (69.530), Minas Gerais (56.728), Paraná (40.912) e Rio Grande do Sul (36.481).


Fonte: Jonas Valente – Repórter Agência Brasil


Compartilhe com seus amigos: